Star Baby

Epifania do Senhor (Ano C)
Mt 2, 1-12

P. Abel Ferreira | Paróquia de Monte Abraão

Desafio-te:

Esta semana, procura explicar a visita dos Magos a alguém que não seja católico!

Descarrega: PDF | Video

Partilha:

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Mateus

Tinha Jesus nascido em Belém da Judeia, nos dias do rei Herodes, quando chegaram a Jerusalém uns Magos vindos do Oriente. «Onde está – perguntaram eles – o rei dos judeus que acaba de nascer? Nós vimos a sua estrela no Oriente e viemos adorá-l’O». Ao ouvir tal notícia, o rei Herodes ficou perturbado e, com ele, toda a cidade de Jerusalém. Reuniu todos os príncipes dos sacerdotes e escribas do povo e perguntou-lhes onde devia nascer o Messias. Eles responderam: «Em Belém da Judeia, porque assim está escrito pelo Profeta: ‘Tu, Belém, terra de Judá, não és de modo nenhum a menor entre as principais cidades de Judá, pois de ti sairá um chefe, que será o Pastor de Israel, meu povo’». Então Herodes mandou chamar secretamente os Magos e pediu-lhes informações precisas sobre o tempo em que lhes tinha aparecido a estrela. Depois enviou-os a Belém e disse-lhes: «Ide informar-vos cuidadosamente acerca do Menino; e, quando O encontrardes, avisai-me, para que também eu vá adorá-l’O». Ouvido o rei, puseram-se a caminho. E eis que a estrela que tinham visto no Oriente seguia à sua frente e parou sobre o lugar onde estava o Menino. Ao ver a estrela, sentiram grande alegria. Entraram na casa, viram o Menino com Maria, sua Mãe, e, prostrando-se diante d’Ele, adoraram-n’O. Depois, abrindo os seus tesouros, ofereceram-Lhe presentes: ouro, incenso e mirra. E, avisados em sonhos para não voltarem à presença de Herodes, regressaram à sua terra por outro caminho.
Palavra da Salvação.

(Mt 2, 1-12)

Estamos a celebrar, hoje, a Epifania do Senhor. O que é que quer dizer esta palavra? Epifania quer dizer manifestação. Alguns dos nossos irmãos cristãos orientais, celebram até neste dia e, somente neste dia, o Natal. Porquê? Porque eles dizem e é uma ideia verdadeira, que enquanto Jesus não se manifestou ao mundo... Não foi dado a conhecer... Não existia. A verdade é que até aqui, quem é que tinha ido visitar o menino? Estavam lá os seus pais: Nossa Senhora e São José. Tinham ido lá também os pastores.

Mas agora, e no Evangelho que acabámos de escutar, encontramos outras personagens. Umas personagens que vêm de longe, do Oriente... Uns magos, não sabemos muito bem o que é que eles faziam, sabemos, isso sim, que eram pessoas cultas, que tinham-se deixado guiar por uma estrela. E parece que esta história tinha tudo para acabar mal... Vêm ter com a pessoa errada... Vêm ter com o Herodes, com aquele que queria acabar com a vida do menino e portanto, parece que há aqui um conflito, há aqui alguma coisa que nos põe em expetativa.

Vamos parar um bocadinho. A figura de Herodes... Repara neste homem, este rei, que queria ser o dono e o senhor do mundo inteiro e tem ali, no seu reino debaixo das suas barbas, a acontecer algo que ele não dá conta, quer dizer está a nascer o Rei dos Judeus e ele nem se apercebe disso. Entretanto, com alguma manha, pede a estes magos que vão à frente, que lhe digam então depois, no regresso: O que é que está a acontecer? Quem é este menino?

Repara, és tu capaz hoje de reconhecer na tua vida que o menino nasceu, que o Natal acontece? E tu reconheces isso? Percebes isso ou és como Herodes que está ali e nem dá conta daquilo que está a acontecer?

Repara que a seguir os magos vão lá e reconhecem este menino, trazem-lhe presentes: ouro, incenso e mirra. Ou seja, eles vêm de longe. Mas os magos, depois de levarem os presentes ao menino, conta-nos o evangelista que voltaram por outro caminho. Porquê? Depois daquele encontro a vida deles não ficou igual. Será que tu hoje depois de te encontrares neste Natal com o Senhor, daquilo que viveste, de veres o menino Jesus na tua vida, és capaz de voltar à escola, à tua vida, voltar por outro caminho? Porquê? Porque tu estás diferente. Os planos que tu tinhas feito são agora outros. É agora de uma outra forma. A tua vida acontece agora de uma outra forma.

Continuação de um bom Natal.

P. Abel Ferreira

Newsletter

Subscreve já a nossa newsletter e recebe em primeira mão cada novo episódio.