Os Defeitos de Maria

Imaculada Conceição (Ano C)
Lc 1, 26-38

P. Abel Ferreira | Paróquia de Monte Abraão

Desafio-te:

Neste Advento, tem um gesto de carinho com a tua Mãe.

Descarrega: PDF | Video

Partilha:

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Lucas

Naquele tempo, o anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galileia, chamada Nazaré, a uma virgem, prometida em casamento a um homem chamado José. Ele era descendente de Davi e o nome da virgem era Maria anjo entrou onde ela estava e disse: 'Alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo!' Maria ficou perturbada com estas palavras e começou a pensar qual seria o significado da saudação. O anjo, então, disse-lhe: 'Não tenhas medo, Maria, porque encontraste graça diante de Deus. Eis que conceberás e darás à luz um filho, a quem porás o nome de Jesus. Ele será grande, será chamado Filho do Altíssimo, e o Senhor Deus lhe dará o trono de seu pai Davi. Ele reinará para sempre sobre os descendentes de Jacó, e o seu reino não terá fim'. Maria perguntou ao anjo: 'Como acontecerá isso, se eu não conheço homem algum?' O anjo respondeu: 'O Espírito virá sobre ti, e o poder do Altíssimo te cobrirá com sua sombra. Por isso, o menino que vai nascer será chamado Santo, Filho de Deus. Também Isabel, tua parenta, concebeu um filho na velhice. Este já é o sexto mês daquela que era considerada estéril, porque para Deus nada é impossível'. Maria, então, disse: 'Eis aqui a serva do Senhor; faça-se em mim segundo a tua palavra!' E o anjo retirou-se.
Palavra da Salvação.

(Lc 1, 26-38)

Hoje é dia 8 de dezembro, Solenidade da Imaculada Conceição. O que é que hoje celebramos? Quem são os protagonistas? Naturalmente, Nossa Senhora, a mãe de Jesus. Ela tem que aparecer hoje e de forma especialíssima.

O Evangelho que escutamos dá-nos conta do “sim” que Maria disse. “Sim”, porquê? Para que Jesus nascesse como a tua mãe deu o “sim” quando te concebeu juntamente com o teu pai. Repara que, mesmo assim, a tua mãe de quem certamente tu gostas muito, que quase que não lhe encontras defeitos, é a tua mãe terrena. A mãe do Céu, a mãe de Jesus e Deus deu-lhe essa especial graça de que ela não tivesse defeito absolutamente nenhum. É isto que quer dizer esta palavra com que iniciamos esta Solenidade: Imaculada Conceição.

Ora, o que é que acontece mais neste dia? Para nós em Portugal, este é um dia muito, muito especial, tanto que a partir do ano de 1640, as nossas rainhas deixaram de usar a coroa. Porquê? Porque em Portugal passou a haver só uma única rainha, Nossa Senhora.

Mas, também neste dia, em todo o mundo, o Papa começa um tempo muito, muito especial na vida da Igreja. Que tempo é este? Chama-se o Ano Jubilar da Misericórdia. O que é que querem dizer estas três palavras? Durante um ano, vai acontecer por toda a Igreja, em todas as igrejas do mundo inteiro, um ano especial em que tu podes experimentar a misericórdia. O que é isto? Experimentar como Deus te ama, como Deus vai ao teu encontro de muitas maneiras, no sacramento da Confissão, no encontro com um padre e aí resolveres um problema que se calhar há muito tempo te preocupa. Portanto, ao longo deste ano, procura, à imagem de Maria... Repara, e voltando um pouco ao Evangelho, que Nossa Senhora tem algumas dúvidas, tem algumas questões naquela conversa que tem com o anjo. Não sabe como é que vai ser a mãe de Jesus. Ela está prometida a um homem, São José, mas ainda não vive com ele. E o que é que o anjo lhe disse? “Confia”.

E tu, hoje, estás disposto a confiar em Deus como Nossa Senhora confiou no anjo, confiou no Espírito Santo, quando eles lhe anunciaram que ela ia ser a mãe do filho de Deus?

P. Abel Ferreira

Newsletter

Subscreve já a nossa newsletter e recebe em primeira mão cada novo episódio.