Ele Vem Aí!

3.º Domingo Advento (Ano B)
Jo 1, 6-8.19-28

P. Pedro Manuel | Paróquia de Boliqueime

Desafio-te:

Questiona-te: como podes, a partir do exemplo de João Batista, preparar o caminho deste Jesus que aí vem?

Descarrega: PDF | Video

Partilha:

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São João

Apareceu um homem enviado por Deus, chamado João. Veio como testemunha, para dar testemunho da luz, a fim de que todos acreditassem por meio dele. Ele não era a luz, mas veio para dar testemunho da luz. Foi este o testemunho de João, quando os judeus lhe enviaram, de Jerusalém, sacerdotes e levitas, para lhe perguntarem: «Quem és tu?».Ele confessou a verdade e não negou; ele confessou: «Eu não sou o Messias». Eles perguntaram-lhe: «Então, quem és tu? És Elias?». «Não sou», respondeu ele. «És o Profeta?». Ele respondeu: «Não». Disseram-lhe então: «Quem és tu? Para podermos dar uma resposta àqueles que nos enviaram, que dizes de ti mesmo?». Ele declarou: «Eu sou a voz do que clama no deserto: 'Endireitai o caminho do Senhor', como disse o profeta Isaías». Entre os enviados havia fariseus que lhe perguntaram: «Então, porque baptizas, se não és o Messias, nem Elias, nem o Profeta?». João respondeu-lhes: «Eu baptizo na água, mas no meio de vós está Alguém que não conheceis: Aquele que vem depois de mim, a quem eu não sou digno de desatar a correia das sanda?lias». Tudo isto se passou em Betânia, além do Jordão, onde João estava a baptizar.
Palavra da salvação.

(Jo 1, 6-8.19-28)

Olá a todos. Como acabávamos de escutar neste Evangelho, hoje há uma figura que se destaca e que vem ao nosso encontro, ao encontro das nossas vidas. De entre as figuras que temos vindo a conhecer ao longo do tempo do Advento, hoje João Batista chega à nossa mesa, à mesa da palavra, para ser melhor conhecido e para nos falar daquele que quer ser plenamente conhecido por cada um de nós. Ele é uma figura, neste caminho de Advento, que nos ajuda a preparar a vinda da verdadeira figura da presença de Deus entre nós, a vinda de Jesus Cristo. Ele não é a luz, mas vem para dar testemunha desta luz verdadeira que quer chegar à nossa vida. Sim! À minha e à tua. Jesus quer ser conhecido por mim e por ti. Quer que eu e tu entremos no seu mistério, conheçamos a sua vida e caminhemos consigo. E essa vinda de Jesus acontece sempre de uma forma renovada em cada Natal. Hoje, no terceiro domingo do Advento, João Batista ajuda-nos a todos a prepararmos a vinda deste Jesus que quer estar connosco, a vinda deste Emanuel. Por isso, é normal que diante de tantas vozes que o mundo hoje nos apresenta, como há dois mil anos, também nós perguntemos: “Quem és tu?”. Esta é a pergunta que nos desinstala, porque é a pergunta que fazemos àqueles que têm a capacidade de nos desinstalar. E João Batista foi claro: “Eu não sou o Messias”. Pois bem, quem és tu e o que dizes de ti? Eu digo que tu tens de endireitar o caminho da tua vida. Eu digo que a tua história tem de conhecer este Messias que se quer encontrar contigo. Pois bem, com João Batista caminhamos no deserto da nossa vida. E no deserto da história de cada um de nós também havemos de encontrar motivos para a esperança e motivos para a alegria. Por isso, no 3º domingo do Advento, a igreja nos propõe o domingo da alegria, aquele domingo que nos aponta que o Senhor está a chegar, mas ainda não chegou. Que nos aponta que o Senhor quer ser conhecido, mas ainda não se revelou plenamente. Como posso eu, como podes tu, a partir do exemplo do Batista, preparar o caminho de Jesus que vem? João Batista recorda-nos hoje: Endireita as veredas da tua história. Endireita as veredas da tua vida. Não fujamos deste apelo que nos faz o Batista e endireitemos a história que hoje nos é dado viver.

P. Pedro Manuel

Newsletter

Subscreve já a nossa newsletter e recebe em primeira mão cada novo episódio.